Clicando e Andando na Chapada dos Veadeiros [Parte 2]

A Fazenda Veredas…

Na Chapada dos Veadeiros os desafios começam logo ao abrir os olhos, o primeiro era criar coragem para sair da confortabilíssima cama dos chalés da Pousada Vale das Araras. Sem dúvida a melhor que fomos até agora, o que justifica e explica o  alto ranking da Pousada no Trip Advisor.

Veja aqui o início dessa viagem…

Porém haviam dois motivos que reforçavam a necessidade de levantar; o delicioso café-da-manhã servido por lá e a sensação de mergulhar e fotografar a famosa Cachoeira Santa Bárbara, ainda só vista por nós em fotos e vídeos.

Foi então o que aconteceu, levantamos, tomamos o café e partimos para a Cachoeira, que fica a uns 20 km de Cavalcante, numa das vários territórios Kalunga da região. Os Kalungas são descendentes de escravos trazidos pelos Bandeirantes há uns séculos, que após se desgostarem do tratamento recebido fugiam e fundavam comunidades quilombolas entre os vãos de montanhas do lugar. Existem comunidades no: Vão do Moleque, Vão das Almas e na Comunidade do Engenho, sendo essa a de mais fácil acesso e que em cujo território se encontra a afamada Cachoeira.
No caminho um gavião-carijó estava de guarda, posudo e imponente.

IMG_7983-2
gavião-carijó (Rupornis magnirostris)

E então uma parada no Mirante da Nova Aurora, de onde se tem uma bela visão e que já se pode sentir a grandeza do lugar.

Chapada dos Veadeiros Chapada dos Veadeiros

IMG_7986-2

Tudo ia muito bem, a vontade de entrar nas águas aumentando pois nessa altura o relógio já mostrava 9:00h e o Sol começava a esquentar. Vimos então a primeira placa:

Chapada dos VeadeirosE claro, show de nuvens a todo tempo, imperdoável não clicar.DCIM101GOPRO

Chapada dos Veadeiros

Chegamos então na Comunidade por volta de 9:30h, de cara já notamos que chegamos tarde pois haviam vários turistas no lugar, o que contrariava nossa vontade de fotografar a Cachoeira sem ninguém.

Também descobrimos que as visitas a cachoeira só podem ser guiadas (R$50,00 por guia e R$10,00 por pessoa) e que se quiséssemos chegar no lugar sem ninguém teríamos que vir mais cedo.

Combinamos então com um guia (Léo, que eu insisti em chamar de Gil) que chegaríamos por volta de 7:00h do dia seguinte, também deixamos combinado que tomaríamos café e almoçaríamos no lugar.

A saída então foi procurar outra cachoeira para passarmos o dia, algo bem descomplicado de achar no lugar.
Decidimos ir nas cachoeiras da Fazenda Veredas, que fica bem próximo de Cavalcante e da Pousada que estávamos. Rumamos então para lá.

No caminho mais paisagens.

Chapada dos Veadeiros

Chapada dos Veadeiros

Chegando na Fazenda Veredas se paga uma taxa de R$10,00 por pessoa, são 3 cachoeiras bacaníssimas, sendo que uma delas, a do Canyon, estava fechada por ser época de chuvas.
Fizemos essa foto antes de encarar o morro a pé, obedecendo o aviso que dali em diante somente com veículo traçado.

Chapada dos Veadeiros

E começa a subida.

Chapada dos Veadeiros IMG_8040

No caminho, decisões a serem tomadas, optamos pela direita, Cachoeira Poço Encantado (formado pelo Rio São Bartolomeu, que mais a frente no seu curso forma outras cachoeiras, inclusive uma dentro da Pousada Vale das Araras.)

Chapada dos Veadeiros

A sensação de cansaço já se misturava com uma de prazer por poder mergulhar no tal poço, misturada também era a sensação de calor, mais perto do céu e do Sol pela altura da Chapada, mas com uma brisa constante que sopra nessa altitude, de qualquer modo estava calor e o prêmio chegou.
Chapada dos Veadeiros

Chapada dos Veadeiros

Descemos um pouco pelo curso do rio para mais uns banhos, o que não é difícil de achar nesses rios de cerrado.

Chapada dos Veadeiros

DCIM101GOPRO

Bem bacana, mas era hora de voltar, uma caminhadinha boa nos esperava, ver o carro do alto do morro foi bom e ruim, rs…

Chapada dos Veadeiros

Chegando no chalé vimos esse singelo besourinho.

Chapada dos Veadeiros

Chapada dos Veadeiros

E essa fêmea de tiê-preto bem perto do quarto.

IMG_8034-2

Descansamos e saímos para jantar, dessa vez janta mesmo, no Restaurante Sabor do Cerrado, comida excelente e preço até justo. Mas já pipocava na cabeça as macros que iria fazer voltando para a Pousada, nunca vi tanta espécie diferente numa área tão pequena. Nesse dia vários “grilídeos”.

IMG_7966-2 IMG_7968-2 IMG_7970-2

E outros olhares curiosos.

IMG_7973-2

A Chris estava do outro lado da casa e não estava de brincadeira, como se vê abaixo.

Chapada dos Veadeiros

A variedade de borboletas e mariposas no lugar é impressionante, assim como o mimetismo das espécies, para não estender esse post em breve será publicado um exclusivo para essa raça de bicho. =)

Foi que o cansaço bateu e terminava o dia 02, será que na manhã do próximo dia mergulharíamos nas cristalinas águas da Santa Bárbara ou teríamos alguma outra surpresa?

Comente com o Facebook

comentários

3 Comentários

Deixe uma resposta