Fotografando no Sítio Espinheiro Negro – Experiência única!

Fotografando no Sítio Espinheiro Negro – Confira.

Se você que está lendo esse post gosta de fotografia de natureza, gosta de fotografar aves, então você PRECISA conhecer esse lugar! Imagine que estar fotografando no Sítio Espinheiro Negro é uma experiência boa não só pelos cliques que vai dar por lá… Mas, calma que vou contando melhor nos próximos parágrafos. 😀

Fotografando no Sítio do Espinheiro Negro
Vista do refeitório e cozinha a esquerda e dos banheiros (fofos!) a direita. Detalhe para a torre!

O Espinheiro Negro é daqueles lugares que você chega e logo se sente a vontade, como se já fosse dali. Fomos recebidos muito bem pela Jo e pelo Jiri e a simpatia deles faz TODA a diferença! Mais abaixo você vai ver o vídeo que produzimos sobre o local.

O lugar é relativamente novo mas é bonito de ver o cuidado e capricho deles com a natureza e com as aves. Aliás, o famoso “Comedouro da Jo” foi o que nos atraiu até lá logo de cara.

Dá só uma olhada nesse vídeozinho AQUI direto do comedouro. É muito bicho bonito junto pedindo pra ser fotografado… rs

Comedouro

Fotografando no Sítio Espinheiro Negro - Aves - Birdwatching 02
Comedouro colorido! 🙂

Fotografando no sítio espinheiro negro

Sábado amanheceu e junto com a luz do dia veio a bagunça no comedouro… Dedo nervoso, clicando loucamente, comedouro lotado para alegria dos fotógrafos passarinheiros:

Fotografando no Sítio Espinheiro Negro - Aves - Birdwatching

Enquanto esperávamos o café, subi na torre, que fica bem ao lado do refeitório e vi essa serração bonita que se vê em lugares assim:

Fotografando no Sítio Espinheiro Negro
Vista da Torre

O legal da Foto Macro é que num pequeno espaço você faz a festa! É só prestar atenção aos detalhes e olhar ao redor.

Fotografando no Sítio Espinheiro Negro - Macro

Se não fosse a Jo me avisar eu nunca teria visto essa MICRO orquídea. Exato! Micro. Ela é minúscula e eu não fazia ideia que existisse uma orquídea tão pequena.

Fotografando no Sítio Espinheiro Negro - Micro Orquídea
Phymatidium sp.

Para se ter ideia do tamanho, olha essa imagem que achei nesse link AQUI:

Fotografando no Sítio Espinheiro Negro - Macro - Phymatidium 01

Fotografando no Sítio Espinheiro Negro - Foto Macro
Macro por todos os lados…

E como disse no início desse texto, não é só pelos cliques que o lugar é bom… Pensa num casal nota 10 na cozinha! Comida gostosa, temperada e feita no capricho. (No vídeo mais abaixo dá pra ter uma ideia… e dá pra ficar com vontade também! rs). E com direito a sobremesa:

Fotografando no Sítio do Espinheiro Negro - Rango Bom
Crepe Suiço com geléia de amora DELICIOSO feito pelo Jiri e servido na hora! 🙂

Dá pra explorar muitas formas de se fotografar a natureza por lá. Além das aves e das macros, também aproveitamos para fazer algumas paisagens e fotos noturna.

Fotografando no Sítio Espinheiro Negro - Paisagem
Vista de um dos lagos com neblina

Existem 3 trilhas no sítio e elas são nível fácil, bem tranquilas e largas… Como o lugar é bem úmido é interessante levar sapadoFotografando no Sítio Espinheiro Negro - Mata Atlântica - Umida apropriado ou de preferência galochas!

O bom é que as trilhas não são tão grandes então fica fácil voltar para o quarto ou para o refeitório…

Aproveitamos a noite para fazer uns disparos longos por lá… E a ideia era aproveitar os lagos que tem por lá.

Fotografando no Sítio do Espinheiro Negro - Longa Exposição - Foto Noturna

Fotografando no Sítio do Espinheiro Negro - Longa Exposição - Foto Noturna 04
Longa no lago com lanterna

Mas é claro que o grande barato é ficar ali por perto do comedouro fazendo a festa:

Fotografando no Sítio do Espinheiro Negro - Saí Azul
Saí azul macho – Dacnis cayana

E tem também o Topetinho Verde! O topetinho é um beija flor muito pequeno. Ele mede algo em torno de 7,5cm e pesa 3 gramas! Enquanto você fica em volta dos bebedouros fotografando, eles passam bem perto da gente, dando rasante! rs

Fotografando no Sítio do Espinheiro Negro - Topetinho Verde
Topetinho verde macho – Lophornis chalybeus
Fotografando no Sítio Espinheiro Negro - Aves - Birdwatching 05
Saí Azul fêmea – Sanhaço de Encontro Amarelo – Tiê de Topete

Estávamos ali pelo comedouro fotografando, esperando ansiosamente pelo almoço quando de repente todo mundo sumiu do comedouro… O lugar ficou vazio em questão de 2 segundos! E não é que tinha gavião na área? Demorou uns minutos até acharem o danado escondidinho entre os galhos do pé de limão cravo:

Fotografando no Sítio do Espinheiro Negro - Gavião Miudinho
Gavião Miudinho – Accipiter superciliosus

Logo em seguida ele vazou dali… E aos poucos os bichos foram voltando e logo o comedouro tava lotado de novo!

A saíra militar dá um show a parte! Dá pra fazer foto dela de todos os ângulos e poses! rs

Fotografando no Sítio Espinheiro Negro - Saíra Militar
Saíra Militar – Tangara cyanocephala

E nesse dia a Saíra Lagarta também marcou presença por lá:

Fotografando no Sítio Espinheiro Negro - Saíra Lagarta
Saíra Lagarta – Tangara desmaresti

Enfim, tem ainda vários outros que aparecem por lá. Fora os que podemos encontrar pelas trilhas. O que não falta é tema para se fotografar! Basta estar atento e de olho em tudo.

É um passeio legal tanto para fotógrafos de natureza ou de aves, como para quem quer passar um dia relaxando e curtindo a natureza (e se deliciando na comida boa!). Numa das vezes levei minha família e todos curtiram demais!

Fotografando no Sítio do Espinheiro Negro

E aqui nesse vídeo que fizemos dá pra ter uma ideia melhor sobre o lugar:

Fotografando no sítio espinheiro negro, confira.

Fica aqui o nosso super OBRIGADA a Jo e ao Jiri por nos receber tão bem e PARABÉNS por cuidarem com tanto carinho desse lugar especial!

E para quem já estiver com vontade de fazer uma visitinha lá, deixo aqui abaixo o site e também a página do Face. Pode mandar mensagem no face ou email para fazer a sua reserva!

Agora conta pra gente… Você já conhece o Espinheiro Negro? Ficou com vontade de fazer uma visita lá? Tem sugestão de lugares bacanas? Deixa aí nos comentários que vamos adorar saber! 😀

Comente com o Facebook

comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *